Anões segundo a Magia Nórdica

Escrito por Eduardo Gabriel on . Categorias: Magia Nórdica, Matérias

Os anões são os Senhores da Forja. Na Mitologia Nórdica a maioria das Armas Mitológicas – senão todas – foram forjadas pelos anões. Por serem ligados ao elemento mineral é Natural que possuam uma habilidade nata para isso, sendo verdadeiros mestres da forja.

Mas para se forjar é preciso ter a matéria prima, no caso minérios, para que uma boa obra possa ser feita. É aí que encontramos outra especialidade dos anões, a da mineração.

Através destas características podemos chegar a o campo onde estes seres atuam que é amplo. Um deles é o do bom funcionamento do corpo. O organismo do encarnado possui uma quantidade, mesmo que pequena, de minérios. Estes são fundamentais para o bom funcionamento do corpo, e quando estes se desequilibram o ser pode ter mudanças comportamentais bruscas, tornando o ser mal humorado ou até mesmo depressivo. Os anões atuam nesse sentido, auxiliando o bom funcionamento e equilibrando os minérios e hormônios, outro campo destes seres.

Atuam com maestria nessas questões, pois além da capacidade mineradora, nos lembremos da principal característica dos anões, a de serem pequenos. Essa característica nos diz muito a respeito deles, nos mostrando assim que eles possuem habilidades em lidar com coisas pequenas, e como Senhores da Forja, manipulá-las. Eles podem auxiliar e muito uma pessoa com desequilíbrios de minérios ou hormonais. Atuam lapidando o espirito da pessoa e equilibrando os elementos que a compõe.

Os anões podem atuar tapando os “buracos emocionais” e preenchendo-os com verdadeiras riquezas que encontrarem dentro da pessoa, para que essa possa ser feliz. A felicidade é a grande busca destes seres que apesar de muitos os terem concebido como rabugentos, são na verdade grandes buscadores da alegria. Assim como buscam a riqueza, mas não a riqueza material e supérflua, mas a riqueza verdadeira, a felicidade.

 

Prática com os Anões – Magia Nórdica:

Materiais:
3 velas amarelas;

1 cálice ou copo água;
3 incensos, de preferência de aromas intensos.

Preparo:

Dispor as velas no formato de um triângulo, preferencialmente no solo. Apoiar as velas em um recipiente seguro, para não correr riscos de incêndio. Depositar os incensos entre as velas e o copo/cálice com água no centro do triângulo. Ajoelhar-se em frente a Magia e mentalmente dar a determinação.

Determinação

“Supremo Criador do Universo, Sagrados Anões, peço que purifiquem este ambiente anulando toda forma de energias negativas nele presente. Envolva o meu corpo físico e anule todos os elementos negativos presentes nele por causa de meus desequilíbrios pessoais ou projecções extensa. Amados seres peço que também trabalhe os meus familiares e desperte em nós as nossas riquezas interiores, capazes de anular os nossos desequilíbrios e angústias trazendo para as nossas vidas prosperidade e fartura. (Fazer demais pedidos…) Assim Seja!

Tags: , , ,

Trackback do seu site.

Eduardo Gabriel

“Tutor da Magia Nórdica, Eduardo Gabriel é médium psicografo desde 2003 quando começou a escrever sobre Magias. Ministra cursos na Europa e Brasil, visando sempre o desenvolvimento pessoal e espiritual de seus iniciados, assim como a multiplicação dos benefícios causados pelas Magias Mitológicas.”

Postar comentário